Tendências Do Mercado Digital em 2022: Como Aplicar no Seu Negócio

Tendências Do Mercado Digital em 2022: Como Aplicar no Seu Negócio

mercado digital

 

Tendências Do Mercado digital: Veja como aplicar no seu negócio

Quem quer ou quer ser empreendedor precisará entender as tendências do mercado digital.

Até porque a tecnologia passou a fazer parte de todos os aspectos do nosso dia a dia.

Desde aplicativos que calculam a melhor hora para acordar, até a maneira como vamos para o trabalho, ou como pedimos comida.

Essa transformação digital, impulsionada pela democratização da internet e a proliferação dos smartphones, afeta a forma como consumimos e compramos.

E que contam com a mais recente tecnologia para fazê-las funcionar na prática.

Como resultado, o mercado digital no Brasil surgiu como um campo novo e inexplorado com oportunidades de negócios inestimáveis.

É uma onda que está afetando todos os segmentos de consumo — e não é só isso.

Espera-se que o crescimento seja incrementado nos próximos anos, tornando-se um ambiente altamente lucrativo.

Você se interessa pelo assunto e quer saber mais?

Continue lendo para descobrir todas as tendências  do mercado digital e obter dicas para investir no seu negócio online.

O que é um mercado digital?

o que e mercado digital de afiliados

A internet trouxe algumas mudanças na forma como compramos, vendemos e consumimos.

Em todo o mundo, o número de visitas continua a crescer a cada ano.

Cada vez mais presente em todos os aspectos de nossas vidas, a tecnologia afeta diretamente nossa relação com o mundo exterior.

A proliferação de smartphones na última década exacerbou esse processo.

Reduzindo o custo da tecnologia, democratizando o acesso e criando novas formas de fazer negócios.

Frequentemente, os telefones celulares podem ser usados para transações financeiras, compra de mercadorias, cotações e pedidos de serviços, consumo de mídia e outras facilidades.

Leia mais: Tendências do mercado digital para vender mais

Quando falo de marketplaces digitais, me refiro a todos os processos de compra, venda e transação que ocorrem usando a internet em algum momento.

Apesar de ser relativamente novo, esse segmento conta com grandes empresas que atuam de forma profissional para garantir um atendimento de qualidade aos seus clientes e usuários.

Criar seu mercado no mundo digital nunca foi tão fácil com opções seguras de publicidade, compra, pagamento e venda.

Como funcionam os marketplaces digitais?

o que esta em alta no mercado para vender

O ponto de partida para todas as interações e transações nos marketplaces digitais é o dispositivo.

Eles aparecerão em todas as etapas, seja pesquisando um produto, comprando ou consumindo.

Hoje, a principal escolha é entre PCs e dispositivos móveis.

As visitas de dispositivos móveis já representam mais de 50% do tráfego global, de acordo com a Ericsson.

Pensando nisso, os negócios digitais precisam estar preparados para receber essas visitas, tornando as páginas mais leves e adaptáveis a telas menores.

Isso é chamado de design responsivo.

Agora, nenhum mercado que se preze pode sobreviver sem clientes.

Portanto, o sucesso dos negócios digitais depende de as pessoas terem acesso adequado a uma internet rápida e segura.

Afinal, já se foram os dias em que uma conexão discada atenderia a todas as nossas necessidades.

A banda larga se tornou a base para o surgimento de novos serviços.

Como o streaming de vídeo, que hoje responde por quase metade dos dados transmitidos pela Internet.

Por fim, a fragmentação dos serviços é outra tendência que podemos observar no funcionamento da indústria digital.

Cada vez mais serviços especializados são criados para atender necessidades específicas, como pagamentos, hospedagem, domínios, etc.

O ambiente digital está repleto de oportunidades de vendas.

Basta saber encontrar seu público.

Portanto, as pessoas que desejam entrar nesse mercado devem saber o que estão vendendo.

E entender como sua mercadoria se compara à concorrência.

Você também precisa saber exatamente quem é o público-alvo da sua marca afim de escolher a melhor forma de alcançá-los.

Esses fatores ajudarão você a escolher entre vários caminhos possíveis no mercado digital:

Próprio nome de domínio

Ter seu próprio nome de domínio na internet é quase como começar um negócio em um prédio que você já possui.

Quem opta por comprar um nome de domínio tem total controle sobre seu ambiente de vendas.

Podendo configurar páginas da web ou aplicativos como bem entender.

Por outro lado, se você não conhece programação e web design, pode ter problemas com a manutenção do site.

Serviços de venda

Vender serviços é uma alternativa procurada por muitos empreendedores que ainda não possuem a estrutura necessária para manter seu ramo.

Quando se trata de venda de produtos, agora existem plataformas dedicadas.

Como Mercado Livre, OLX e eBay – para facilitar a venda de itens novos e usados.

Quem trabalha prestando serviços encontra clientes em portais como Monetizze, 99Freelas, Get Ninjas e outros.

Mercado

Por fim, os serviços de mercado também são uma opção nos marketplaces digitais, servindo como uma ponte segura entre clientes e traders.

Amazon, Americanas e Submarino são apenas alguns exemplos de lojas online que dão aos pequenos vendedores espaço para anunciar seus produtos lá.

Cobrando uma comissão por cada venda.

Entre as redes sociais, Facebook e Instagram também dão às empresas a opção de oferecer produtos.

Informalmente, esse tipo de negócio existe há muitos anos, com publicidade na forma de grupos especializados na compra e venda de produtos ou serviços.

O crescimento do mercado digital nos últimos anos

crescimento do mercado digital

Hoje, empresas sem presença no ambiente digital estão perdendo muitas oportunidades de vendas.

Além disso, existem empresas que focam exclusivamente na internet e vendem seus produtos e serviços exclusivamente por meio de e-commerce.

Os avanços tecnológicos nos últimos anos abriram um terreno fértil para as empresas prosperarem.

O que era inimaginável cinco ou dez anos atrás.

Todas essas inovações tornaram a banda larga mais barata e os telefones mais inteligentes cada vez mais populares e parte do dia a dia das pessoas.

Segundo a Organização das Nações Unidas, hoje, mais da metade da população mundial, o equivalente a 3,9 bilhões de pessoas, tem acesso à Internet.

No Brasil, o número de residências conectadas é de 31,68 milhões.

A proliferação de smartphones teve um grande impacto no crescimento do acesso à internet em todo o mundo.

Estima-se que 5 bilhões de pessoas em todo o mundo possuem um smartphone.

O Brasil está na onda, como revela um estudo da consultoria App Annie.

De acordo com o relatório, o país ocupa o quinto lugar no ranking que mede o uso diário de telefones celulares.

Todos esses números confirmam o crescimento do mercado digital nos últimos anos e apontam para um futuro brilhante para nós.

Quer aproveitar tudo isso?

Então confira as dicas das tendências do mercado digital.

10 tendências do mercado digital para ficar de olho

O mercado digital é extremamente dinâmico e inovador, mudando as regras do jogo.

A velocidade das notícias está cada vez mais rápida e, em um piscar de olhos, o que era novo ontem pode ser superado pelo hoje.

Por isso, quem quer trabalhar no mercado digital precisa ficar de olho na inovação, ler e entender o que está em alta.

Aqui estão as 10 principais tendências do mercado digital que você precisa conhecer.

1. Marketing móvel

Como já demonstrei, o número de pessoas com acesso à internet nunca foi tão grande.

Este crescimento é em grande parte devido à popularidade dos smartphones.

Melhorias na web e o consequente barateamento dos planos de dados são fatores decisivos de como o celular é a principal fonte de tráfego.

Embora esse não seja o canal principal para conversões de vendas, há muito espaço para crescimento.

2. Ao vivo

A transmissão ao vivo é uma ótima maneira de interagir com seu público.

Proporcionar um espaço interativo e aproximar sua marca de seus clientes.

Também conhecido como live, esse tipo de ação é usado para demonstrar um tutorial, apresentar um novo produto ou esclarecer uma dúvida.

Hoje, grandes redes como Facebook, Twitter e Youtube já possuem suas próprias ferramentas para os usuários transmitirem ao vivo.

3. Conteúdo Visual

As pessoas estão se tornando cada vez mais visuais em sua comunicação – isso é inegável.

Vários relatórios revelaram o fato de que o conteúdo visual, seja imagens ou vídeos, tem maiores taxas de engajamento do público.

Claro, o artigo não está morto, ainda é muito importante investir em artigos que possam ter uma boa classificação nos mecanismos de pesquisa.

Mesmo assim, o conteúdo visual surge como meio de comunicação que capta a atenção de algoritmos e usuários.

4. Realidade Virtual e Aumentada

A realidade virtual e a realidade aumentada também são tendências que surgiram em diversos negócios no mercado digital.

A diferença entre os dois é simples: um usa elementos realistas, o outro sugere levar o usuário para um mundo totalmente novo.

Chamamos de realidade aumentada o uso de ferramentas digitais para estender a experiência offline, como códigos QR em jornais e notícias.

A realidade virtual, por outro lado, usa óculos especiais para inserir totalmente uma pessoa em um novo ambiente.

Uma tecnologia amplamente utilizada em jogos e simulações de pilotos e pilotos.

5. Geomarketing

O geomarketing, chegou a esta lista porque ainda é tão eficaz que é amplamente utilizado em estratégias de marketing digital.

Inclui ações com foco específico em uma cidade, região, estado ou país.

E segmentos de entrega de conteúdo com base em restrições.

Esse tipo de ação é especialmente útil para empresas locais ou ofertas de publicidade limitadas a uma determinada região.

6. Marketing Viral

Produzir material que se torne viral é o sonho de todo empreendedor digital ou criador de conteúdo.

Chamo de marketing viral o trabalho de quem acaba atingindo mais pessoas do que o esperado.

Aproveitando a exposição das mercadorias vendidas por um pequeno investimento.

Esse é o resultado que todos desejam, mas é importante ter cuidado para que seu conteúdo não se torne viral pelos motivos errados.

7. Análise de Rede

Posso fornecer muitos dados sobre fontes médias de tráfego e comportamento do usuário em um ambiente digital.

Mas, em última análise, apenas uma análise detalhada do seu negócio pode levar a respostas concretas.

Nesse sentido, a análise de rede é muito útil.

Esteja você em seu próprio domínio ou hospedando em uma plataforma, há uma variedade de ferramentas gratuitas disponíveis na internet hoje.

Inclusive isso pode ajudá-lo a obter informações sobre como seu público está se comportando.

8. Economia compartilhada

A economia do compartilhamento propõe um novo modelo de negócios voltado para o compartilhamento de bens e serviços.

Ao contrário do individualismo de nosso tempo, as pessoas encontraram formas criativas de otimizar tempo e recursos por meio do consumo coletivo.

Em todo o mundo, as startups já estão promovendo o compartilhamento de roupas, livros, aplicativos de carona, para citar alguns.

9. Inteligência Artificial

A inteligência artificial contribuiu para sistemas digitais cada vez mais complexos.

Com poder de processamento já semelhante à inteligência humana.

A tecnologia é filha direta dos marketplaces digitais.

E é usada hoje em chatbots, campanhas de marketing, atendimento ao cliente, automação de e-mail e outras soluções.

10. Internet das Coisas

O conceito de Internet das Coisas propõe integrar o mundo digital às tarefas cotidianas.

Conectando dispositivos que normalmente operam de forma analógica.

A tecnologia facilita experiências de consumidor totalmente novas, quebrando as fronteiras entre online e offline.

Um dos exemplos mais comuns de sua aplicação é a já famosa automação.

Que permite que os usuários liguem e desliguem as luzes de suas casas a partir de seus telefones.

4 dicas para colocar sua empresa no mercado digital

Agora que você conhece as principais tendências do mercado digital, é hora de colocar a mão na massa e aplicá-las ao seu negócio.

Mesmo que seu negócio seja uma loja física, a presença em um ambiente digital é essencial.

Afinal, a internet já faz parte do processo decisório de consumidores de diversos segmentos de mercado.

Seja pesquisando no Google ou postando fotos de produtos no Instagram: a digitalização ocorre inevitavelmente em algum estágio do processo de compra.

Confira quatro dicas poderosas a seguir para que você também possa colocar seu negócio no mercado digital.

1. Conheça seu público

O público é o número um dessa lista porque são eles que vão guiar seus esforços no mercado digital.

Quem conhece muito bem seu público pode traçar estratégias mais confiantes.

Afim de garantir que usem os canais certos para alcançar quem realmente importa.

Para atingir este patamar, é necessário manter uma relação próxima com os clientes.

Conhecer profundamente as suas características e hábitos de forma a prever as suas necessidades de consumo.

2. Conheça seu mercado

Mesmo que você promova pesquisas e mais pesquisas para entender seu público, é inútil se você não entender seu nicho.

O ideal é investir em um setor que você conhece para ter uma visão mais estratégica do caminho a seguir na hora de escolher um canal de distribuição.

É claro que você não precisa ser o maior especialista do mundo nos produtos que vende ou nos serviços que presta.

Por outro lado, ter um conhecimento aprofundado transmite autoridade aos consumidores e automaticamente lhe dá alguns pontos contra a concorrência.

3. Defina seu funil de vendas

Depois de escolher o seu nicho e atender o público, você precisa começar a pensar nos canais de vendas do seu negócio.

Quem quer colocar seu negócio no mercado digital precisa avaliar suas opções.

Para escolher entre investir em sua área, contratar um serviço de vendas ou anunciar no mercado.

4. Compromisso com a Divulgação

No final das contas, a divulgação é a informação que você vai comunicar ao público sobre o seu produto.

Por isso é preciso ter cuidado para garantir que os esforços feitos até agora serão recompensados.

Você basicamente tem que escolher entre investir em canais de publicidade orgânica ou contar com uma estratégia de mídia paga.

Para isso, considere que o primeiro método é mais barato, mas o segundo método pode ser mais preciso.

Ainda assim, você precisa escolher o melhor meio digital para atingir seu público-alvo, que é definido na primeira etapa.

O que mais vende no mercado digital?

Agora vamos dar uma olhada nos produtos digitais mais vendidos para você escolher.

1 – Negócios e Carreiras. …

2 – Alimentação, saúde e bem-estar. …

3 – Educação e Aprendizagem. …

4 – Relacionamentos. …

5 – Desenvolvimento Pessoal.

O que esperar do marketing digital em 2022?

As tendências de marketing digital de 2022 trazem às empresas um futuro cheio de oportunidades.

Novas tecnologias, análise de dados, inteligência artificial e até uma nova realidade virtual ainda desconhecida, o Metaverso.

Qual mercado está crescendo em 2022?

5 Tendências para Investir em 2022

  • mercado eletrônico
  • mercado de animais de estimação
  • mercado de turismo
  • mercado Estético
  • mercado de alimentos saudáveis
O marketing digital pode ganhar dinheiro?

Você pode usar o marketing digital para construir uma carreira ou promover um negócio que já tem.

Saiba que você pode ganhar dinheiro com marketing digital.

Isso pode realmente ser mais fácil do que em algumas indústrias.

No entanto, se você deseja obter renda online, precisa estar totalmente comprometido e persistente.

Como ganhar 100 reais por dia?
  • Ideias do que vender para ganhar 100 reais por dia
  • Vender produtos como afiliado
  • Torne-se um freelancer
  • Vender serviços e produtos no Instagram
  • vender seus próprios produtos digitais
  • Grupos do WhatsApp com mentoria
  • Crie conteúdo para mídias sociais de terceiros
  • Trabalhar com edição de vídeo
O que vender para ganhar dinheiro em 2022?

Principais produtos à venda em 2022 e além

1) Decorações para casa

2) Produtos de beleza

3) Produtos Orgânicos e de Autocuidado

4) Produtos e acessórios de tecnologia

5) Suprimentos para animais de estimação

6) Moda e joias

7) Artigos Esportivos

Quais são os melhores nichos?
  • Saúde e bem-estar
  • Relacionamento
  • Esportes
  • Educação
O que vender no e-commerce em 2022?

As 5 indústrias que mais crescem em 2021

1 – Transporte – Serviços de Entrega, Mudança e Distribuição

2 – Animais de estimação

3 – Casa e móveis

4 – Comida e Bebida

5 – Farmácia e Saúde

Concluindo

Os marketplaces digitais fazem parte do dia a dia das pessoas, aparecendo em diversas formas de interação.

O número de usuários na internet só vai crescer.

E com a proliferação dos smartphones, a tendência é que a convergência entre os mundos online e offline seja cada vez maior.

É inegável que todas essas tecnologias também trouxeram mudanças na forma como as pessoas compram e consomem.

Abrindo um novo tipo de oportunidade de negócio.

O mercado digital é uma realidade composta, e seus efeitos podem ser sentidos nos mais diversos campos.

Conhecendo bem seu público e acompanhando as últimas tendências do mercado digital, você poderá integrar e rentabilizar seu negócio no ambiente digital.

Se este conteúdo foi útil para você deixe seu comentário, curta e compartilhe

You May Also Like